O editor Tom F. Pardo decidiu fazer uma compilação dos grandes vencedores do Oscar, mas com um olhar bem pessoal. A ideia veio à mente e ele precisava de uma música que representasse bem o sentimento de legado que esses filmes trazem à história do cinema. Para isso, escolheu o grande Hans Zimmer na trilha de A Origem. Segundo Tom, a música tem a cadência perfeita para dar um equilíbrio na edição, valorizando todos os filmes igualmente. O detalhe bem pessoal está no recorte: Tom escolheu apenas filmes de 1943 a 2014, deixando de lado 1929 a 1942 quando a Academia já premiava filmes. Segundo o editor, esse recorte foi dado tanto pela duração da música, como pela relação afetiva com Casablanca (primeiro filme da lista), que foi o primeiro filme em preto e branco que ele assistiu.

O Oscar acontece neste domingo, 28, e será transmitido ao vivo pela TNT a partir das 20h30: