Sob a frase “Toda mãe merece abraçar cada momento”, a Huggies tem viralizado na rede com uma campanha emocionante.

É com a ajuda de uma impressora 3-D que a brasileira Tatiana Guerra, grávida aos 30 anos e cega desde os 17, consegue vivenciar uma experiência até então bastante limitada para os deficientes visuais: acompanhar o filho ainda na barriga.

Aproveite o clima do mês das mães e conheça também o Murilo: